18.9.11

Afinal, a gente escolheu assim.


Pra ser sincera, nem somos aquele casal exemplar que todos esperam. Na verdade, penso que ainda nem somos um casal, pelo menos não oficialmente. Acredito que o que tem feito a gente se olhar infinitamente sem nem ter coragem de perguntar o que foi só pra não estragar o esse instante, é essa tal coisa que nunca vivemos antes, essa história de deixar acontecer o máximo que pudermos sabendo exatamente o momento exato de tudo acabar. O pior é isso, sabemos exatamente o dia e o horário que vamos nos despedir, sem ter certeza ao certo de se quando você voltar os dois ainda estarão dispostos a continuar esse jogo depois do intervalo pro segundo tempo. Ficar no zero a zero, não tem deixado nenhum dos dois satisfeitos, fazendo os dois cruzarem os dedos pra haver ao menos um empate.
Não insistimos em nada, fazemos apenas o que queremos fazer, no momento em que queremos fazer, aproveitando todas as oportunidades possíveis de sermos as pessoas mais felizes do mundo, finalmente podendo ficar tranquilo, sem aquela sensação de "será que ele também está no mesmo barco que eu?".
Pois sim. Estamos no mesmo barco, na mesma estação, no mesmo caminho e temos a plena convicção de que vamos pegar uma condução diferente logo na próxima parada. A parada onde vai mudar completamente o rumo de nossas vidas que estão prestes a começar de verdade. Afinal, foi isso que queríamos, um futuro próspero com milhares e milhares de coisas novas pra experimentarmos.
Então fico aqui, vivendo ao máximo o instante em que está aqui e o que não estará, sabendo que fará o mesmo, e esperando o tempo resolver se nos encontraremos na estação seguinte a que você voltar, e se pegaremos o mesmo trem. Mas como já sabemos, o futuro não pertence a nós, então vamos viver o presente que nos foi dado e pensar que esse não vai ser um adeus, e sim, um até logo.

4 comentários:

  1. Boa noite.

    O bom é que vocês estão vivendo esses momentos.
    O futuro à Deus pertence. Tomara que vocês consigam continuar juntos.

    Um grande abraço.
    Maria Auxiliadora (Amapola)

    ResponderExcluir
  2. Viver como se o mundo fosse acabar daqui a quinze minutos e viver intensamente.
    Que lindo seu blog Ingrid!
    Voltarei sempre!
    Quiser dá uma passadinha no meu cantinho, a Frenética aqui te recebe de braços abertos.
    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. O melhor viver é sempre o presente, porque o futuro é o presente sempre.Passei pra conhecer seu blog, e gostei muito e já estou te seguindo... Convido pra conhecer meu blog e me seguir se gostares. Um abraço!

    Smareis

    ResponderExcluir
  4. me segui, eu ja te sigo
    http://karolsgirls.blogspot.com/ visitem e comentem..
    quem seguir sigo de volta
    bjs

    ResponderExcluir