7.9.11

Vem pequena, que eu te entendo.



Tá, eu sei que você rejeitou ele antes, disse que ele era estranho demais ou coisas do tipo. Mas eu sei como é, ele olhou de um jeito diferente e você dsse que ninguém tinha olhado pra você desse jeito a tempos. A melhor amiga te humilhou um pouco por você se contradizer de novo, Mas eu compreendo, o mercado não está lá essas coisas, um namorado não é fácil assim de encontrar, escolhendo do jeito que você exige então. Uma excessão nem faz mal a ninguém, vai que é ele que vai te fazer feliz, pelo menos por um tempo.
Você já fez aquele discurso de que homens são todos iguais, e sua mãe concordou dando o maior apoio. Uns paqueras apareceram antes mas não eram lá essas coisas, não que esse seja o cara perfeito, mas pelo menos você não vai jogá-lo ao relento o primeiro obstáculo que aparecer.
Tudo bem que ele te ignora um pouco enquanto joga uns jogos de internet e aparenta uma criança de doze anos. Mas não estou te julgando, que carinha hoje em dia não faz isso. Ele tem aquele jeito meio sério, mas só você sabe as coisas lindas que ele sussurra e faz você parecer uma criança de doze anos apaixonada. Sei que você já confessou a si mesma o quanto o abraço dele te faz bem, e a voz dele já te acalma. Você não assume, mas fica pensando nele mais tempo do que devia e pqercebe que fazia tempos em que você tinha alguém pra conversar coisas sérias, morrer de rir enquanto um faz cócegas no outro, ou fica de mimimi e nhênnhênhêns. Então vamos adimitir, bem que você está gostando dessa experiência que a tempos não acontecia. Não precisa negar agora, porque os comentários vão surgir você adimitindo ou não. Então porque não ser feliz um pouco, se você faz alguém feliz? É morena, vamos esperar pra ver o que vai dar, e pense positivo, pare com essa mania de achar que tudo vai dar errado a qualquer instante. Se dê a chanse de viver o caos de estar apaixonada. Viva o caos de se apaixonar pequena.

11 comentários:

  1. ouwn que fofo *-* gostei do texto e do blog :D

    dá uma passadinha no meu?

    http://www.thespaceofdebora.blogspot.com

    bjbj, sucesso pra vc;*

    ResponderExcluir
  2. Acho que era isso que eu precisava ouvir...

    Bejus!
    http://devaneiosparamim.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Olá gostei muito do seu blog.
    Rstou seguindo me segue tb: www.TamnaKellerAX.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. Gostei muito do texto,
    Acho que ficamos com tanto medo de sermos machucadas que não nos permitimos viver algo, que pode ser verdadeiro e intenso.
    Adorei.
    Beijo.

    ResponderExcluir
  5. Gostei do texto e do blog visita o meu ?

    http://www.entrevariospensamentos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Orra, de onde tu me conhece ein? Oo

    hahaha, curti o post!

    bjus da kirah^^

    ResponderExcluir
  7. Muito bonito seu texto. Eu realmente sinto falta disso na vida. As vezes tudo o que a gente quer é não gostar de ninguém, mas quando se fica muito tempo sem isso a gente sente falta e tudo que mais quer é se apaixonar e ficar uma boba.
    ;**

    ResponderExcluir
  8. Amei o seu texto, seu Blog, tudo. Voltarei sempre por aqui. Beijinhos

    ResponderExcluir
  9. Olá, passando aqui linda *-*, estou te seguindo, visita meu cantinho também :
    http://reverseobrlife.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  10. Bom dia, Ingrid!
    Adorei tuas palavras!
    Estou seguindo aqui!

    Beijo imenso.
    http://cynthiadayanne.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi
    To passando para pedir uma ajudinha passar aqui: http://theattitudeincluded.blogspot.com/2011/09/votacoes-concurso-blog-vs-blog-2.html é votar em "dreamer", tem também lá link de outrso blogs menina má... sera a soma de todos os votos se puder votar em todos agradecerei muito, mas votando em um também estarei já feliz!bom pedindo desculpas por qualquer coisa, mas bem, se puder dar uma força ficaria muito grata!
    Deus abençoe

    ResponderExcluir